Oi, pessoal! Tudo bem?

Continuo lendo e meditando sobre os livros de Samuel e estou sendo fortemente edificada. Hoje vou falar sobre o capítulo 3 de 1Samuel.
É uma passagem muito conhecida, que fala da voz do Senhor chamando o menino Samuel enquanto ele dormia. Tem até uma musiquinha infantil: “Samuel, Samuel, Deus te chama lá do céu”, lembram?!
Mas não vou me prender a esse aspecto, mas sobre algo que saltou aos meus olhos enquanto eu lia:
Vamos aos versículos:
O menino Samuel ministrava perante o Senhor, sob a direção de Eli; naqueles dias raramente o Senhor falava, e as visões não eram freqüentes.” (1 Samuel 3:1)
Ora, Samuel ainda não conhecia o Senhor. A palavra do Senhor ainda não lhe havia sido revelada.” (1 Samuel 3:7)
Ou seja: Samuel ministrava perante o Senhor, mas ainda não conhecia o Senhor. Não é isso que os versículos dizem?
O que chamou minha atenção é que isso é uma realidade para muitos de nós também. Podemos ministrar perante o Senhor, servir na Casa do Senhor e ainda assim não conhecê-lO, ao ponto de não reconhecer a Sua voz!!
Trabalhar para o Senhor é lindo, é algo maravilhoso, que devemos fazer com dedicação. Vários versículos falam sobre o servir, o trabalhar para Deus (1Coríntios 15:58; Colossenses 3:23; 1Pedro 4:10, por exemplo).
Mas muito mais importante do que trabalhar para Deus é conhecê-lO de perto! 
Conheçamos o Senhor; esforcemo-nos por conhecê-lo.” (Oséias 6:3a) O restante do versículo diz: “Tão certo como nasce o sol, ele aparecerá; virá para nós como as chuvas de inverno, como as chuvas de primavera que regam a terra.
Muito mais do que serviço, Deus quer intimidade! Jesus considerou seus discípulos mais do que servos, mas amigos (João 15:15), porque Ele compartilhou tudo com eles, e a eles tornou tudo conhecido.
Devemos desenvolver um relacionamento com o Senhor, e amá-lO de todo nosso coração. Devemos conhecê-lo, mas também sermos conhecidos por Ele (1Coríntios 8:3).
A passagem do Bom pastor retrata isso muito bem:
Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas; e elas me conhecem; (João 10:14)
As minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem. Eu lhes dou a vida eterna, e elas jamais perecerão; ninguém as poderá arrancar da minha mão. Meu Pai, que as deu para mim, é maior do que todos; ninguém as pode arrancar da mão de meu Pai.” (João 10:27-29)
Sim, Ele virá, Ele aparecerá. E que naquele dia a gente não ouça Ele nos dizer: “Nunca os conheci. Afastem-se de mim...” (Mateus 7:23)
Graça e Paz!

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

Fechar Menu